Ornatos Violeta

Foto: a vista do palco no último concerto de Lisboa (foto de Isabel Dantas)

O concerto foi extraordinário, eu pulei, cantei, dancei e gritei, sempre com sensação que estava a viver um momento roubado. Eles não existem verdadeiramente e ali estavam eles, à minha frente, a dar uma razão às horas e horas que eu passei a ouvi-los, quando era ainda adolescente.

Nunca, em nenhum concerto, a sensação de estarmos a viver uma experiência única, impossível de repetir, foi tão latente. Sentia-se no ar, o pensamento de todos quantos assistiam ao concerto: “isto não vai voltar a acontecer, não se vai repetir. É hoje e agora!”.

Os jornais falaram de um concerto “épico” e de uma banda de “culto”. Eu ia à descoberta, conhecia os CDs deles de cor e salteado, mas quantas bandas, na hora H, ficam aquém das expectativas? Contudo, aos primeiros acordes, tornou-se claro como água, eles são mesmo bons: boa música, boas letras e boa presença em palco. Por diversas vezes, fechei os olhos, e deixei-me inundar pela voz do Manuel Cruz e pelos acordes do Peixe. Hoje, junto-me aos jornais e confirmo, foi um concerto épico!

Há quem acredite que eles vão voltar a dar concertos. Eu não sei, não tento adivinhar e não quero saber, a noite de ontem foi mágica e nada vai mudar isso.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s